Medie seus conflitos internos

01.11.2016

Nossos conflitos internos conduzem nossos conflitos externos. Quando eu não tolero minhas falhas, não tolero as dos outros. Quando exijo-me perfeição, também acabo exigindo-a dos outros. Quando nunca me sinto pronta para realizar algo, pareço nunca acreditar que o outro também esteja pronto.

 

Uma parte de mim grita por liberdade, outra grita de medo. Eu quero fugir para onde ninguém me encontra, mas também desejo ardentemente ser notada e valorizada. Eu quero ser eu mesma, por outro lado preciso da validação do outro. Eu me vejo tão forte, mas ao mesmo tempo frágil. Quando eu acredito que tenho motivação, sinto-me ridícula por sonhar. Minhas emoções me movem e minha razão me paralisa... e só penso em desistir quando o mundo não corresponde às minhas expectativas - um amor infantil.

 

Eu não tolero minhas falhas, nem as dos outros. Antes de qualquer ação é preciso muito estudo e preparação. Quase nunca me sinto totalmente pronta para realizar algo novo e isso me consome tempo e energia, buscando perfeição. Aprendi que ter razão é importante, pois com ela temos credibilidade. Fui modelando meus pais, firmes e fortes em seus posicionamentos, colocações e exemplos. Uma trama bem costurada, amarradas às velhas crenças familiares, religiosas, escolares, etc.

 

Nem sempre me permiti demonstrar emoções, nem ao menos reconhecê-las ou admiti-las. Minhas dores nunca foram mais importantes que as dos outros, sempre as coloquei no bolso. Lealdade e colaboração são virtudes essenciais na minha vida, só que um belo dia percebi que de fato eu não as oferecia a mim mesma. 

 

Eu descobri uma grande habilidade em lidar com as dores e conflitos dos outros, mas não os meus. Em negociar para os outros, mas não pra mim. Em identificar conflitos externos em potencial, mas não meus próprios gatilhos. Era boa em incentivar decisões e soluções ganha-ganha nas quais eu não fazia parte.

 

Eu era perita em lidar com as emoções dos outros e nunca havia lidado de fato com as minhas. A razão imperava e justificava qualquer comportamento, que com o tempo tornou padrão, fechado, pesado, sério e cansado! E quanto mais eu estudava e achava que sabia, mais eu me distanciava das pessoas e as julgava. Quanto mais exigente eu era comigo, mais intolerante era com o outro. Quanto mais eu me agredia, mais agressiva ficava. Só que não me dava conta disso, afinal estava em piloto automático. Minhas certezas me cegavam, eu me achava superior, correta, racional, coerente... até que... meus conflitos internos tornaram-se tão fortes que minhas emoções me intoxicaram.

 

Eu carreguei a dor e os conflitos de muitas pessoas para não ter que olhar para os meus. Não sei até que ponto foi empatia ou fuga, ajuda ou imposição. Só sei que quando não passamos pelo autoconhecimento, não temos domínio pessoal e até o bem que acreditamos estar fazendo se torna pano de fundo. Quando não há consciência de nossas sombras, quando as excluímos, elas se transformam em padrões inconscientes de comportamento. Tudo que resiste, persiste. Nunca exclua, medie seus conflitos internos.

ASSINE nosso canal no You Tube e nosso informativo: AQUI

 

Marcella Santos atua na Tutoria de Coaching da OAB/SP Sé, é administradora, mestre em Estratégia e Mercado, especialista em comportamento, consultora sistêmica, meta-coach, master practitioner em PNL e consteladora familiar. Dedica-se a estudar o Pensamento Sistêmico em suas diversas teorias, formas, técnicas e ferramentas. Facilita o Grupo de Estudos de Advocacia Sistêmica e também coordena o projeto PSAdd desenvolvendo advogados, saiba mais em: www.advocaciasistemica.com.br e www.escoladealtaperformance.com

Compartilhar
Share on Twitter
Please reload

Assine nosso canal
Please reload

CONTATO

[11] 94292-1740 - Marcella Santos

Unidade 1

Alameda Santos, 1773 - Cerqueira César

São Paulo/SP - CEP 01.419-100

[21] 98030-7444 - Luciana Ferreira

Unidade 2

Rua Augusta, 101   Sala 920  -  Consolação

São Paulo/SP - CEP 01.313-001

  • Gestão da Advocacia Sistêmica
  • Gestão da Advocacia Sistêmica
  • Gestão da Advocacia Sistêmica
  • Gestão da Advocacia Sistêmica
  • Gestão da Advocacia Sistêmica
  • Gestão da Advocacia Sistêmica
  • Tweeter

© 2018 Advocacia Sistêmica

© 2018 Gestão da Advocacia Sistêmica

Todos os direitos reservados.

WhatsApp GDAS